Tão importante quanto investir para a sua empresa continuar a crescer sempre, é ter controle sobre o retorno de cada um dos investimentos realizados. Afinal, é a gestão dos recursos investidos e da lucratividade de cada investimento realizado que servirá de base para o planejamento estratégico da sua empresa. Dessa forma, você poderá manter os investimentos com melhor retorno e repensar aqueles que apresentaram baixa lucratividade inicial para a sua marca.

Entre os maiores desafios para os gestores na hora de controlar o retorno dos investimentos realizados, estão:

  • Melhorar a gestão financeira da empresa, permitindo acompanhar em tempo real tudo o que acontece com o capital da marca;
  • Aumentar o controle efetivo dos estoques, de forma a evidenciar o impacto de qualquer investimento realizado nas vendas;
  • Calcular o retorno real de cada investimento.

A seguir você confere algumas de nossas dicas para te ajudar a encarar esses desafios:

COMO IDENTIFICAR O RETORNO DE UM INVESTIMENTO?

Vamos começar pelo começo, certo? Identificar o retorno de um investimento realizado em marketing não é difícil: se a ação tiver sucesso em atingir o seu público alvo de forma convincente, você logo irá notar uma flutuação positiva nos acessos à página da sua empresa, assim como um aumento nas vendas e um possível aumento no valor do ticket médio de seus consumidores. Isso, é claro, para nem mencionar a variação facilmente percebida no volume de itens em estoque.

Em outras palavras: um investimento de sucesso vai apresentar inúmeros sinais que um gestor atento com certeza não deixará de notar. No fundo, a questão é outra: como quantificar, como medir o retorno real de um investimento?

Essa não é uma pergunta nova na administração (com efeito, poucas são). Para respondê-la, foi criado o cálculo ROI.

Mas o que é o “ROI”?

ROI é a sigla, em inglês, para Return Over Investment – literalmente, retorno sobre o investimento. Trata-se de um cálculo simples que permite identificar a lucratividade efetiva de cada um dos investimentos realizados pela sua empresa.

E, vale frisar: por investimento, entendemos toda e qualquer ação realizada pela gestão da sua empresa que vise aumentar a sua margem de lucro, incluindo (mas não se limitando a):

  • suas ações de marketing, sejam elas digitais ou não;
  • os custos com treinamentos da sua equipe, in loco ou externos;
  • a adoção de um sistema de gestão integrada;
  • qualquer estratégia de fidelização de clientes.

Como calcular o ROI?

O ROI pode ser calculado de forma bem simples, através da seguinte fórmula matemática:

Trata-se de determinar, em um primeiro momento, a renda líquida gerada pelo seu investimento em, por exemplo, uma ação de marketing digital (“receita gerada – custo do investimento”); para, em seguida, dividi-la pelo custo total da ação. Por fim, para obtermos a porcentagem de retorno sobre esse investimento “ação de marketing”, multiplicamos o resultado por 100.

O cálculo ROI deve ser realizado para cada uma das ações realizadas pela sua gestão, individualmente. Ele vai ajudar a determinar quais os investimentos com maior viabilidade e sustentabilidade no longo prazo, reorientando o seu planejamento estratégico.

Além disso, o uso rotineiro do cálculo ROI na sua gestão, vai permitir:

  • Identificar e ampliar as estratégias de sucesso, a partir de dados concretos;
  • Determinar a real lucratividade de cada investimento da sua empresa;
  • Elaborar estratégias de otimização, que permitam recuperar o investimento já realizado, de forma a não perder ou abandonar uma iniciativa em andamento;
  • Implementar soluções de marketing que sejam efetivas no aumento das suas vendas.

É claro que apenas o cálculo de retorno sobre o investimento não é suficiente para garantir que a sua empresa mantenha uma boa saúde financeira. Para isso, a melhor opção ainda é a adoção de um sistema de gestão integrada.

COMO MELHORAR A GESTÃO FINANCEIRA E DE ESTOQUES DA SUA EMPRESA?

Um sistema ERP online é uma boa opção para quem está buscando melhorar a gestão financeira da empresa e ainda aumentar o controle sobre os itens em estoque. Um ERP é um sistema desenvolvido com foco em planejamento estratégico – daí a sigla ERP, do inglês Enterprise Resources Planning, ou mais simplesmente, Planejamento de Recursos Empresariais.

Entre as funcionalidades oferecidas por um sistema ERP online, estão:

  • Gestão de Vendas, com suporte PDV
  • Gestão de Contas, a pagar e a receber
  • Controle de Estoques
  • Geração de Boletos Bancários
  • Emissão de NF-e
  • Conciliação Bancária
  • Relatórios Gerenciais

Se o que você busca é otimizar o retorno dos investimentos realizados, investir em melhoria de gestão é um passo lógico. Um sistema de gestão integrada online vai permitir que você acompanhe – em tempo real e de qualquer lugar do globo – todos os aspectos do funcionamento da sua empresa.

E VOCÊ?

Como a sua empresa acompanha os investimentos realizados? Quais as ferramentas de gestão integrada adotadas?

Não deixe de comenter aqui com a gente!!